Advocacia, ética e respeito.
Quarta-feira
08 de Abril de 2020 - 

Controle de Processos

Usuário
Senha
Insira seu usuário e senha para acesso ao software jurídico

Notícias

Newsletter

Nome:
Email:

Cotação Monetária

Moeda Compra Venda
DOLAR 5,22 5,22
EURO 5,68 5,68
LIBRA ES ... 6,44 6,45

Previsão do tempo

Hoje - Taubaté, SP

Máx
24ºC
Min
17ºC
Chuvas Isoladas

Quinta-feira - Taubaté, SP

Máx
26ºC
Min
15ºC
Parcialmente Nublado

Sexta-feira - Taubaté, SP

Máx
27ºC
Min
17ºC
Chuvas Isoladas

Notícias

RELATÓRIO INÉDITO SOBRE PESQUISA DE AVALIAÇÃO DA OUVIDORIA-GERAL SERVIRÁ DE PADRÃO PARA O APRIMORAMENTO DOS SERVIÇOS DA JUSTIÇA FEDERAL DA 3.ª REGIÃO

PJe, instalações e atendimento aos cidadãos foram bem avaliados A Ouvidoria-Geral da Justiça Federal da 3.ª Região pulgou o primeiro Relatório a partir da Pesquisa de Avaliação de Serviço do Poder Judiciário, que mostra satisfação, ou não, dos usuários do serviço público federal. Com relação ao Processo Judicial Eletrônico (PJe), às instalações e ao atendimento geral aos cidadãos, os usuários avaliaram positivamente. A maioria das pessoas que responderam à pesquisa considerou “Ótimo” e “Bom” os três itens do questionário sobre o PJe: suporte técnico (55%), facilidade de uso (65%), e disponibilidade do novo sistema (73%). As instalações físicas dos prédios em geral receberam aproximadamente 60% de aprovação. De outro lado, merece atenção o tempo de tramitação processual geral, quesito que obteve mais de 70% de avaliação insatisfatória. Já o Sistema Processual dos Juizados Especiais Federais obteve aproximadamente 30% de conceitos “Bom” e “Ótimo”, contra 22% de apreciação desfavorável. Observa-se que das 528 pessoas que responderam aos questionários neste primeiro semestre de implementação, a parte (autor ou réu) foi responsável por 50% dos respondentes. O restante foi pidido entre advogados, procuradores, servidores, entre outros. O Tribunal Regional Federal da 3.ª Região foi o órgão que recebeu o maior número de avaliações. Dos respondentes, 55,68% avaliaram serviços no TRF3; 35,98%, na Seção Judiciária de São Paulo; e 8,33%, a de Mato Grosso do Sul. É a primeira vez que um Relatório qualitativo foi extraído a partir da Pesquisa de Avaliação do Serviço Público Federal, sendo possível avaliar, com precisão, o tipo de reclamação e de elogio por parte do usuário deste serviço. Isto permitirá o aprimoramento dos órgãos avaliados já a partir do Relatório porquanto a eles encaminhado. Pesquisa na internet Implantada em julho de 2019, a pesquisa está disponível na página inicial do site do Tribunal na internet em “Avalie o Poder Judiciário da 3.ª Região”. Com relatórios semestrais, o objetivo é buscar resultados que promovam o aumento da satisfação em relação aos serviços prestados pela Justiça Federal nos estados de São Paulo e Mato Grosso do Sul. Com perguntas sobre atendimento, serviços, instalações físicas e sistemas eletrônicos, o formulário permite que a pesquisa seja respondida rapidamente, pois direciona o usuário para avaliar diretamente o setor no qual foi atendido. Não há necessidade de responder a todas as questões. A Pesquisa de Avaliação do Serviço do Poder Judiciário foi desenvolvida pela Ouvidoria-Geral, com o apoio da Presidência do TRF3, conforme a Instrução a Normativa n.º 4.416.086/2019. A pesquisa atende à Lei n.º 13.460/2017 (Lei de Proteção ao Usuário do Serviço Público). Por sua vez, o Relatório é iniciativa da Ouvidoria-Geral que parte da Pesquisa recém-criada. Assessoria de Comunicação Social do TRF3  
17/02/2020 (00:00)
Visitas no site:  1437781
© 2020 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.